UM PORTUGUES EM VANCOUVER

Chamo me Tiago Ribeiro, e desde a 9 anos que imigrei para o Canada, mais precisamente, para uma das mais belas cidades do mundo de seu nome VANCOUVER.Aqui irei mostrar e reflectir, sobre esta bela cidade, Cultura e Culturas, a experiencia da imigracao, reflexoes pessoais e sobre Portugal e Canada, entre outros temas e questoes desta VIDA de Imigrante e do MUNDO que me rodeia.. ....VIVE SE ESCREVENDO E ESCREVE SE PARA VIVER...

Sunday, March 31, 2013

Arte como REVOLTA

       Arte nao e so expressao da alma como se pode ver em baixo, mas tambem pode ser por vezes um grito de revolta, inconformismo e dor, um exemplo claro disto e as pinturas de Zhang Kunkun, que vive no Canada de origem chinesa, pintor este de grande nivel artistico www.falunart.org   entre outros artistas que foram persguidos e sao perseguidos ainda hoje por pertencerem ao Falong Gong.
     
        As pintras destes artistas que foram perseguidos, torturados das mais variadas formas, que viram morrre amigos e familiare pelo simples facto de serem Falong Gong, sem duvida criara discussao, desconforto, e ate horror na audiencia devido a brutalidade e objectividade destas pinturas. Foi feita uma exposicao recentemente chamada "Verdade, Compaixao, Tolerancia" onde estes outros quadros foram expostos e me parece devem ser conhecidos do publico em geral, pois estes horrores esta nas nossas maos fazer algo, pois estes nao deixam ninguem indiferente a sua dor e brutalidade.
   
       Sem duvida, ser ignorante de certas realidades e em si ja algo de criminoso, e quando esta em causa e dignidade humana independentemente das suas crencas ou expressao; se nao fosse por questoes geo-politicas o ocidente, especialmente a america sem duvida se indignaria com isto, mas quando o sistema e corrrupto e os intereses falam mais alto, a arte fala directamente de povo para povo, porque arte pintada de sangue e dor nao duvido que tera ecos nas almas de quem as desconhece e ignora!!...E preciso explorar, questionar e agir, porque a ignorancia nao pode ser a seguranca dos poderosos e as correntes mentais do povo!!!
 
 http://www.futurecosmos.net/fdflyer/gallery/photo506.html

http://www.clearharmony.net/cat/Persecution_in_China-c1109u1119-p1.html



Saturday, March 30, 2013

Norval Mourrissou - Cores do Espirito

      Ha artistas que definem uma cultura, um desses para compriender a  cultura canadiana e Norval Mourrissou http://www.morrisseau.com/  http://www.coghlanart.com/norval.htm embora siga a linha artistica simbolica e narativa da arte nativa e na sua forma e expressao que o destinque dos restantes artistas pela sua individulidade artistica.
        Sou daqueles que acredita que e importante pensar no que a arte nos diz e quer transmitir, mas acima de tudo, acho que cada um deve achar na arte o que nos move, por isso vemos sempre significados,licoes diferentes na arte quando vemos o mesmo. Arte nao e matematica ou ciencia, logo deve ser experimentada de alma e mente aberta, mesmo quando a arte parece absurda e feita por uma crianca de 4 anos.....sem duvida, muito temos a aprender com arte e artistas!
 
 

Sunday, March 17, 2013

Opre Roma: Gypsies in Canada (documentario)


Vancouver na TV (series e filmes)

          Acho que ha neste mundo cidades que foram feitas e sao perfeitas para serem ``palcos`` e ``personagens`` de cinema e series televisivas, e Vancouver e sem duvida um desses melhores exemplos, pela sua variedade arquitectonica, ambiente tanto nocturno como diurno, natureza e ser uma cidade aberta e cheia de luz, nao admira que ela seja usada para tantas series e filmes.
          Nao irei inumerar todas as series feitas em Vancouver, mas das mais iconograficas temos por exemplo Macgyver, X-Files, Eureka e o mais recente Once Upon a Time. Um site magnifico que descobri recentemente e http://moviemaps.org/cities/2 e http://filmingvancouver.blogspot.ca/ , http://www.bcfilmcommission.com/about_us/film_list.php que mostra as localizacoes das varias series em Vancouver e arredores.
         Vancouver a e ideal nao so pelas suas caracteristicas naturais e culturais, mas para quem adora filmes e series como eu, pelas historias que contam e mostram da complexidade e as multiplas dimensoes do ser humano, e com um certo orgulho que me da viver aqui. E onde ha filmes ha dinheiro, e por vezes muito dele e bastante criatividade, com isto em mente criar condicoes para a criacao artistica, com base neste exemplo de Vancouver, nao deixa de ser uma idea que bem poderia ser imitada por outros paises com algumas dificuldades economicas.
         Criatividade beneficia a todos se lhe dermos ``voz``, mas essa voz so se da a conhecer se a sociedade em geral estiver aberta a esta, com isto em mente, negar, bloquear ou criticar a criatividade pode ter como efeito ultimo algo nada benefico para todos no fim. Bem sei por vezes mostrar o que uma pessoa pensa e sente atraves da criatividade pode por vezes chocar ou ofender, porque ate mesmo a ficcao tem tracos do real, mas a ficcao e a critvidade pode e e acima de tudo uma porta ou um veiculo para pensarmos sobre nos e o mundo.
          A criatividade nao e uma cientifica exacta como matematica ou a fisica, e por causa disso podemos usa la para partilhar e discutir o que nos perturba e incomoda, ou apenas criarmos mundo irreais de forma a esquecermos o real por uns minutos ou criarmos mundos alternativos de forma a pensar no nosso indirectamente, ate isso e nos beneficial por breves instantes, nao nego.
         Darmos voz e estimulo a critividade como Vancouver nos mostra nao e so uma forca a nivel economico, social e cultural isto tras consigo narrativas que por mais fantasiosas que sejam, nunca deixam de nos espelhar o mundo real e a nos mesmo de volta, esse o poder de quem cria ou recria, basta nao termos receio, e deixarmos as musas falarem.......

http://www.vancouversettours.com/

http://vancouverisawesome.com/category/yvrshoots-series/

Saturday, March 16, 2013

As Raizes da Alma (Vila Alva)

           Pode nao parecer atraves deste blog que quem o escreve e idealiza tenha origens e antepassados mais humildes e simples devido a ao seu formato universalista e sempre dentro do possivel, intemporal, mas esse e sem duvida um facto. Meus avos e familiares eram agricultores e foi com a agricultura e a volta da terra que meus pais cresceram e formaram a visao do mundo como muitos da sua geracao e da sua area geografica.
            Sou assim como meus pais Alentejano, natural do sul interior de Portugal, area famosa pelos seus vinhos, queijos, pratos tradicionais muito ligados a terra, bondade da sua gentes, grande devocao religiosa e rica e longa historia. A vila onde estao as minhas raizes chama se Vila Alva http://vilaalva.blogspot.ca/  e embora esteja seja pequena em dimencao, muitos dos deus "filhos" foram sempre aventureiros do Mundo, como e tao natural no povo alentejano e portugues.
           Uma terra com um pe na tradicao dos antepassados, como o cantar alentejano http://cantaresalentejanos.com.sapo.pt/, mas sempre com vontade de constuir e melhorar o futuro, mesmo quando os politicos se esquecem de quem vive no interior, como e tao acontecer em Portugal. Mas o progresso por vezes da sinais de vida, mas nao e constante nem sistematico, e neste incerto presente o passado e o refugio da alma e a base que da forca do seu povo.
              Aqui deixo fotos do passado e do presente da bela, intemporal Vila Alva....estao todos convidados a visita la desde ja.
 
 
 
 

Portugal e a Aldeia Global

              Tenho que confecar e sempre complicado para mim falar de Portugal, seja do presente, passado...e quando ao seu futuro, entao ai escolho o silencio, embora encoragar os meus conterraneos, por pouco que seja, e em si ja alguma coisa, parace me. E sempre com alguma dor e tristesa que reflicto sobre Portugal e os portgueses, nos sempre fomos lutadores, melancolicos, algo pessimistas e temos as caracteristicas que essa area geografica, medetarranea e atlantica desenvolveu em nos, para o bem e para o mal...e nem sempre tem sido facil ser portugues, ou mesmo europeu, muito menos nos dias de hoje.
                Mas mais do que analizar mos a nos mesmos e sempre interesante ver e perceber como os outros analizam e veem, por exemplo eu gosto sempre de ler e ver decumentarios atravez dos olhos de outras culturas, porque vendo nos atravez dos nossos olhos perdemos bastante perspectiva e dimencao de quem somos. Um excelente livro que recomendo com isso em mente e "The First Global Village" de Martin Page que analiza como nos portugueses criamos o mundo global que hoje temos, claro que se fala muito dos ingleses e holandeses, mas muito dos nossos herois e aventureiros que, como se diz sempre e bem "deram novos mundos ao mundo".
             E um livro muitissimo bem escrito e mostra um Portugual e portugueses que sempre esquecemos que o peso cinico do presente tanto nos "forca" a passar despercebido. Um livro de grande valor nao so emocional como historico, quem somos nos? o que somos capases de fazer? sera que o que fizemos ainda hoje somos capases de fazer o mesmo? onde esta e como e o nosso espirito? o passado prende nos ou liberta nos para sermos melhores??....
           
           Tantas questoes me veem a mente quando penso em Portugal e no seu povo, claro que Martin Page ajuda a responder, dentro do possivel a algumas delas, mas nao sao os intelectuais que criam a histotia de Portugal, e o seu Povo, os intelectuais so as interpretam e reflectem nela, como sempre fazem...e o Povo que vive a Historia que outros pensam e escrevem.
            As revolucoes e evolucoes que sempre aconteceram na nossa Historia, nasceram de ideias nem sempre de origem portuguesa, mas quando o sofirmento e muito e bom voltar a ver como foi o nosso passado, sem ficar preso a ele, e criar um melhor futuro....isso seria o "ideal", mas o real faz sempre algumas "vitimias" quando ideal fala mais alto......
             Ha sempre varias perspectiva para olhar para a Historia, seja pessoal seja colectiva e esta tem obviamente as suas logicas consequencias, se escolhemos uma racional, distante e analitica vemos que as coisas nem sempre sao o que parecem e que ha varios graus de certos e errados, e logo nao ha inocentes, na emocional tudo muda em comparacao....logo pensar na Historia dos detalhes a "grante foto" sempre foi algo que politicos e grupos sociais sempre desejaram manipular.
          Por esta razao a ignorancia e o popularismo do povo, fora a retundancia deve ser resolvido e so o povo para se educar e conhecer, bem sei que nao e facil e soa quase utopico, mas ha bibliotecas cheias de livros de acesso a todos, so basta a Curiosidade e a Vontade para criar se um Mundo diferente, sera que o Povo quer isso? logo tera de dar tempo ao conhecimento e lutar contra a sempre Selvagem Ignorancia que fa sempre vitimas...
         
          Nao se muda nem o Mundo nem cada um de bracos cruzados, se quem nos governa tem o Poder e o Conhecimento para nos Governar, e visto que nos falta o Poder que eles tem, pelo menos que busquemos o Conhecimento e o dominemos para estarmos ao nivel de quem nos domina, porque cegos e mudos, seremos sempre "escrevos" e dominados!!!!
 
O Conhecimento e o Questionamento nos indicara em novas direcoes....sera que temos coragem de seguir esses caminhos?!
 
 

Sunday, March 03, 2013

Broken Sex Dolls (Musical SeXo e Comedia)

                                                         http://www.thecultch.com/

Um dia de Voluntariado

        Ontem foi dia de voluntariado, visto pertencer a uma organizacao que ajuda imigrantes com niveis baixos de ingles, e nao so, sendo esta referencia na comunidade onde pertence http://www.dcrs.ca/ O obectivo do dia era visitar varios locais de Vancouver, e para quem quizer conhecer bem pode fazer o mesmo trajecto.
      No caminho tive uma interesante curiosa conversa com Abbas da Etiopia onde me foi dado a conhecer coisas que desconhecia deste interesante pais que os ignorantes media nao falam, da cultura http://www.linkethiopia.org/  e musica etiopia http://www.ethiopianow.com/music/.
       E comecamos por ir a uma das grandes atracoes de vancouver a Harbour Tower http://www.vancouverlookout.com/, onde se pode ver a cidade em 365 graus a 177 metros de altitude, esta nao deixa de ser uma experiencia interesante, e para quem desejar comer num dos restaurantes mais caros e chiques de Vancouver ha tambem a possiblidade de se fazer isso nesta mesma torre.
        Depois da torre fomos dar uma volta pela iconica Gastown http://www.seegastown.com/ a parte mais velha de vancovuer, onde existem galerias, restaurantes e onde por vezes se fazem cenas de filmes e series, por exemplo o Once Upon a Time ou o Supernatural, entre outras. E claro, como acontece no inverno em Vancouver, chove e chove e chove mais ainda, mas isso e tao normal por aqui que a vida nao para por causa disso, quem vive em Vancouver esta habituado a estas coisas do tempo, faca frio, chova ou neva nos dias mais frios...nada de surpriendente, isto e Vancouver.
       Para terminar esta escorcao feita pela DiverseCity, terminamos em norte Vancouver no Longsdale Quay http://www.seegastown.com/ onde fomos almocar no East Side Marios onde na boa maneira italiana comemos pizza http://www.eastsidemarios.com/ restaurante este de muito bom nome em Vancouver e excelente pizzas.
       Ha muito para ser conhecido e explorado em Vancouver, nada melhor que faze-lo em grupo e em boa maneira canadiana, bem multi cultural, fazendo esta exploracao um dos grandes prazeres de viver nesta bela cidade de Vancouver.......

Friday, March 01, 2013

Totem: Regresso e Renovacao